A balada que é a cara de São Paulo hoje acaba de ser legalizada (MAR2014)

Amar é permitido - BURACO DA MINHOCA

O espaço do túnel entre o Minhocão e a Rua Augusta, debaixo da Praça Roosevelt, ganhou um novo nome: Buraco da Minhoca. Aproveitando que o tráfego de veículos é proibido durante a madrugada – e transformando a tristeza das fortes luzes “anti-mendigo” em estrobos da pista de dança -, um grupo de artistas, DJs e performers acabou ocupando o espaço de maneira inesperada.

A balada mais comentada no momento em São Paulo não tem valet, nome na porta ou cerveja do tipo IPA. As paredes e o teto são sujas de fuligem e pixo. O chão é de asfalto e a gerência diz que não aceita cartão. Aliás, que gerência o quê. No Buraco da Minhoca não tem disso, não. Ali, quem manda é o povo. Que chega, monta som, começa a tocar e logo tem uma pista de centenas pronta para atravessar a noite. O Buraco da Minhoca é um resumo de conceitos legais de São Paulo, de ontem e hoje: o faça-você-mesmo do punk, o hedonismo maratonista da música eletrônica, a capacidade realizadora dos coletivos, a reocupação do Centro e a retomada das vias públicas. Como diz na página da festa no Facebook: “O buraco da minhoca é uma passagem para outra dimensão de ocupação do espaço público.

Na noite de quinta-feira (13), o Buraco da Minhoca anunciou em sua página no Facebook que o espaço está oficialmente regularizado. “É com muita emoção que informo a todos vocês que o Buraco da Minhoca foi aceito como evento oficial e será devidamente regularizado pela prefeitura, CET, GCM e Secretaria de Segurança Pública”.

Em entrevista, Paulo Tessuto confirmou que a nova administração está aberta a conversas, e que a Capslock está em negociação. “Vamos discutir uma agenda de ocupação. Anteriormente, nunca tínhamos ido atrás de autorização porque era difícil e burocrático. Mas com o crescimento desse movimento as coisas estão ficando mais fáceis, e pretendemos discutir isso”, explicou.

Chico Tchello adiantou que duas festas já estão a caminho para os próximos dias. “Uma delas provavelmente irá se chamar ‘noite do rala tanga’ (a festa com essa nome foi confirmada – CR), festa escrachada com temática inspirada na pornochanchada. A ideia é tocar o roots da MPB, com nomes desconhecidos de artistas e grupos que estamos garimpando em lojas de CD”.

PS CAMILO ROCHA: Foi anunciado também a Vaca Mirim, primeiro evento vespertino, “para todas as idades”, do Buraco. 


Fontes:

O esquema (por Camilo Rocha)

Facebook do Buraco da Minhoca

Catraca Livre: http://catracalivre.com.br/sp/muito-mais-sao-paulo/indicacao/buraco-da-minhoca-tunel-embaixo-da-praca-roosevelt-ganha-festa-em-madrugadas/

Catraca Livre: http://catracalivre.com.br/sp/muito-mais-sao-paulo/indicacao/buraco-livre-festa-que-rola-no-tunel-do-minhocao-ganha-autorizacao-para-acontecer/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s